EDITORIALPOLICIAL

PB1 tinha 17 agentes penitenciários de plantão no momento da fuga, diz secretário


PB1 tinha 17 agentes penitenciários de plantão no momento da fuga, diz secretário

A cúpula da segurança pública da Paraíba concedeu entrevista, na manhã desta segunda-feira (10), e deu detalhes da explosão e fuga em massa na Penitenciária de Segurança Máxima Romeu Gonçalves Abrantes, o PB1, que ocorreu na madrugada de hoje.

No momento da ação criminosa, havia 17 agentes penitenciários e dois policiais militares de plantão no presídio. A informação é do secretário de Administração Penitenciária, tenente-coronel Sérgio Fonseca. Ao todo, 42 detentos já foram recapturados.

Segundo ele, os detentos fugiram pelo portão lateral, que foi explodido. Com o alicate corta-fio, eles conseguiram quebrar os cadeados. A meta do grupo era resgatar uma quadrilha presa no início do mês, que havia explodido um carro-forte na BR-230 e capturada no fim daquela tarde na cidade de Lucena, Litoral do estado.

“Romarinho foi o primeiro a sair da cela. Ele recebeu um fuzil AK47 e a partir daquele momento, ele comandou a ação. Claramente a ação foi direcionada a esse grupo. Esse elemento foi preso duas vezes e será novamente”, destacou, acrescentando que “essa foi uma ação pontual”.

“Nós acreditamos que essa ação foi planejada há muito tempo”, destacou. Ele revelou que a colaboração de outras pessoas no crime, serão investigadas. “O preso não fica incomunicável o tempo todo. Ele tem a visita, ele tem contato com o mundo exterior”, explicou.

Buscas

Ao todo, 41 detentos já haviam sido capturados até às 11h32 de hoje. As buscas seguem intensas, conforme a cúpula da segurança. “Aqui não se vai baixar a cabeça para ninguém”, ponderou o secretário de segurança do estado, Cláudio Lima. “Não haverá de forma alguma, ação temerosa. A polícia vai pra rua, vai pra cima”, disse Cláudio Lima.

Ações coordenadas

O comandante da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, informou que as polícias dos estados vizinhos, como Rio Grande do Norte e Pernambuco, foram comunicados sobre o fato para tentar  capturar os foragidos.

Carro encontrado

Um carro que possivelmente teria sido utilizado pelos bandidos na fuga foi encontrado na região do Guruji, na cidade de Conde. O veículo estava incendiado. A polícia está no local coletando mais informações.

Gostou? Você também pode enviar informações à redação do portal tvsertaodaparaiba.com.br pelo Whatsapp 83 98886 4599 ou 99166-4140.

Portal T5

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar
Pular para a barra de ferramentas